Óleo corporal

Óleo corporal

A minha primeira opção em questão de hidratação/cuidados da pele. Sempre aplico hidratante religiosamente no corpo todo após o banho, acho bem importante para reparar os danos da água quente do chuveiro. Mas de uns tempos pra cá fez tanto frio em São Paulo que tava difícil manter essa rotina.

Leia também: Óleo de Argan cabelo

Falei até no vídeo de favoritos (clica aqui pra conferir) que eu deixei de aplicar hidratante durante uns dias porque tava super frio, quando eu saia do banho e já me encapotava toda. Não demorou muito pra ver a pele ressecada, e nos comentários desse vídeo algumas pessoas deram a solução mais simples (e que nem tinha passado pela minha cabeça): usar óleo corporal no banho.

resenha-oleo-corporal-hidramais resenha-hidramais-oleo-corporal

Me senti tão abestalhada por não ter pensado nisso antes! Eu tava sofrendo passando o hidratante no frio! Então recorri aos óleos corporais da Hidramais, recebi esse kit há um tempinho e foi muito útil nesse momento de sufoco. São 6 fragrâncias: Goji Berry & colágeno, óleo de semente de uva & colágeno, óleo de amêndoas doces & colágeno, óleo de maracujá & erva-doce, óleo de macadâmia & vitamina E e perfume de bebê & colágeno.

Nunca tinha usado um produto da marca mas sempre que vou na sumirê vejo algumas opções de hidratantes de bolsa nas gôndolas perto dos caixas. Os óleos corporais vem numa embalagem de plástico resistente com 120 ml e tampa de rosquear.

oleo-corporal-hidramais-resenha

Acho que cada pessoa desenvolve um ritual na hora de aplicar esse tipo de produto, o meu é o seguinte: No final do banho, aplico uma quantidade bem generosa em todo o corpo e faço massagem durante alguns segundos. Depois enxáguo o corpo e retiro o excesso com as mãos. “Retiro o excesso” em partes porque a água e óleo não se misturam, mas acho que dá pra finalizar melhor com uma última chuveirada. As fragrâncias são bem gostosas e as minhas preferidas foram a de maracujá e o perfume de bebê. São aromas bem marcantes e que ficam na pele durante bastante tempo de forma mais sutil e aconchegante (bom pra aquele banho antes de dormir, sabe?).

Após o banho, retiro o excesso de água com uma toalha e não tem como negar: a pele fica bem oleosa, com uma camada brilhante por todo o corpo (e com aquela textura meio pegajosa). Se não fosse pelas camadas de roupa e pelo ressecamento da pele nesse frio eu me incomodaria com essa sensação, mas é bastante reconfortante vestir a roupa e sentir a pele macia no frio. Outra forma de aplicar o produto é após o banho, com a pele já seca, aí dá pra regular melhor a quantidade de produto conforme a necessidade da pele para não ficar tão peguenta.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *